Link de exemplo

Voltar para Notícias

Tutela Coletiva e Cível

MP participa de homenagem à Professora Esther de Figueiredo Ferraz

O evento faz parte do programa “Agenda 150 Anos de Memória Histórica do Tribunal Bandeirante”

O Ministério Público de São Paulo participou na tarde dessa segunda-feira (28/04), da homenagem à advogada Esther de Figueiredo Ferraz, na sala do Tribunal do Júri, organizada pelo Tribunal de Justiça de São Paulo. O Subprocurador-Geral de Justiça de Relações Externas, Arnaldo Hossepian Salles Lima Júnior, representou o Procurador-Geral de Justiça, Márcio Fernando Elias Rosa.

“Trata-se de homenagem justa, legítima e merecida, pois a professora Esther de Figueiredo Ferraz foi a primeira em tudo e continua sendo a primeira em nosso coração”, ressaltou o Presidente do TJ-SP, Renato Nalini. O Desembargador Alexandre Moreira Germano, coordenador do Museu do TJ-SP afirmou que a advogada Esther de Figueiredo Ferraz “foi um exemplo para a mulher brasileira”.

Autoridades presentes na cerimônia de homenagem à Professora Esther de Figueiredo Ferraz ocorrida na Sala do Júri do Tribunal de Justiça de São Paulo

O evento faz parte do programa “Agenda 150 Anos de Memória Histórica do Tribunal Bandeirante”. A advogada e conselheira da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-Seção São Paulo), Gilda Figueiredo Ferraz, sobrinha da homenageada, representou e agradeceu a honraria em nome da família. Ela lembrou que a tia nunca foi feminista. “Ao contrário, sempre contou com o incentivo dos colegas homens para arrombar as barreiras contra o até hoje odioso preconceito contra a mulher”, disse.

Esther de Figueiredo Ferraz foi a primeira mulher a integrar o Tribunal de Ética e Disciplina da OAB-SP, na década de 60. Também foi a primeira mulher a comandar uma reitoria na Universidade Presbiteriana Mackenzie e a primeira a ocupar um Ministério no país, assumindo a pasta da Educação e Cultura, em 1982.

Diversas autoridades da área do Direito acompanharam a cerimônia de homenagem

Participou da cerimônia o Corregedor-Geral do MP-SP em exercício, Paulo Sérgio Puerta dos Santos. A homenagem também contou com a presença de diversas autoridades, como a Secretária de Estado da Justiça, Eloisa Arruda, representando o Governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, Juízes, Desembargadores e profissionais da área do Direito.

* Crédito foto 1: Assessoria de Imprensa do TJ-SP