Link de exemplo

Voltar para Notícias

Criminal

Operação do MP e Corregedoria prende Policial Civil em Mongaguá

Foram apreendidas diversas armas de fogo irregulares e dinheiro

O Ministério Público de São Paulo realizou no último dia 02/12, uma operação conjunta com a Corregedoria da Polícia e prendeu em flagrante o Policial Civil P.C.F., após a localização de diversas armas de fogo irregulares. Na sala em que o policial trabalhava, na Delegacia de Polícia de Mongaguá, no litoral paulista, foram localizadas três armas de fogo e R$ 8, 3 mil divididos em envelopes.

Operação apreendeu armas irregulares, dinheiro, joias e relógios

Durante as buscas realizadas na residência do policial foram localizadas outras 10 armas de fogo, R$ 72 mil, mais de US$ 25 mil, além de joias e relógios. Entre as armas apreendidas, havia um revólver com a numeração pinada, um revólver com a numeração raspada e uma metralhadora.

A operação contou com o apoio da Promotoria de Justiça de Mongaguá, e dos núcleos Capital e Guarulhos do Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado (Gaeco). As investigações prosseguem agora para apurar o envolvimento do policial com organizações criminosas dedicadas à exploração de máquinas caça-níqueis e com o jogo do bicho no litoral sul de São Paulo.