Link de exemplo

Voltar para Notícias

Ícone da categoria criminal
Criminal

MP denuncia motorista que atropelou e matou idoso no campus da USP

Acidente ainda deixou outras 4 pessoas feridas

O Ministério Público do Estado de São Paulo ofereceu, nesta segunda-feira (1/9) denúncia (acusação formal) à Justiça contra o pedreiro Luiz Antônio Conceição Machado, que na manhã de 16 de agosto atropelou um grupo de frequentadores do campus da Universidade de São Paulo (USP), causando a morte do idoso Alvaro Teno e provocando ferimentos em outras quatro pessoas.

Luiz Antônio Conceição Machado foi denunciado por homicídio por dolo eventual (situação em que o agente não deseja matar, mas assume o risco do resultado morte com seu comportamento); por quatro tentativas de homicídio e por tentar fugir do local do crime.

Na denúncia, o Promotor de Justiça Rogério Leão Zagallo descreve que o pedreiro dirigia seu veículo Toyota, modelo Corolla, em estado de embriaguez e em excesso de velocidade, quando perdeu o controle de seu veículo e atropelou as vítimas que praticavam atividades esportivas no campus.

“O fato de ter Luiz Antônio ingerido grande quantidade de bebidas alcoólicas, associado à elevadíssima velocidade por ele empreendida no Toyota, modelo Corolla em uma avenida de grande fluxo de carros, ciclistas e pessoas, fez com que ele assumisse o risco de produzir o evento morte das pessoas por ele atropeladas”, diz a denúncia, oferecida ao Juiz do 5º Tribunal do Júri da Capital.

Leia aqui a denúncia.